Indecifro-me num pranto inútil


Aperta o peito
a angústia que antecede o choro 
que se pretende alívio. 

Ah, quão pouco as lágrimas podem fazer por mim... 
Não mais do que o rosto vermelho, 
os olhos embaçados, 
o nariz a não me dar sossego 
e os pensamentos ardidos, 
molhados, 
amolecidos 
tal como o folheto de supermercado 
que tomou chuva no quintal
e no qual agora não se lê mais nada.
Mais nada.

20 comentários:

  1. Entre o gozo e o choro, um gostoso namoro.
    GK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimo verso, Gugu!

      Uma boa semana para você 😊

      Excluir
  2. Seus versos sempre me tocam, fico um bom tempo refletindo sobre suas palavras.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Anônimo22/7/17

    Indecifrável é também tua capacidade de traduzir a natureza da alma num pingo que desmancha em palavras e imagem, até em lágrimas tua poesia é mágica.
    Obrigado por compartilhar.
    Abraço no coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito, muito obrigada!

      Abraços 💙💛

      Excluir
  4. Oi Larissa, boa semana pra você 😊
    A foto ficou linda e combinou muitíssimo com teus versos.
    O pranto... Tão difícil, mas alivia tanto às vezes.
    Beijos 😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Fernanda!

      Muito obrigada! Desejo-lhe o mesmo; que muitas coisas boas lhe surpreendam nos dias que estão por vir 😊

      😘

      Excluir
  5. Anônimo24/7/17

    " (não sei dizer o que há em ti que fecha
    e abre;só uma parte de mim compreende que a
    voz dos teus olhos é mais profunda que todas as rosas)
    ninguém, nem mesmo a chuva,tem mãos tão pequenas" versos de um poema de EE.Cummings
    esse poema ( nalgum lugar) desde que li, sempre me fez lembrar de ti, acho que nunca disse porque esqueci.
    Uma boa semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um poema tão bonito! Obrigada por ter se lembrado 😊

      Para você também! Abraços!

      Excluir
  6. Esse poema aí de cima, melodiado por Zeca Baleiro, é uma das minhas músicas preferidas. Desculpa a intromissão, mas sempre leio o comentário antes do meu. E dessa vez foi bem bonito.

    Você me fez hoje pensar no efeito das lágrimas. Um dos. Nunca tinha parado pra analisar assim, com essas figuras. A verdade é que se molhar não é sempre bom. Às vezes rega, mas às vezes alaga.

    Seus versos me soaram tão corretos, como se tivesse conseguido chorá-lo através do que disse. E a imagem, ah...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sinta-se à vontade para se intrometer sempre! Não conhecia o poema e agora fiquei conhecendo também a música, e achei isso ótimo 😊

      Obrigada por toda a poesia dos seus comentários, pelas visitas sempre maravilhosas.

      Abraços!

      Excluir
  7. Malditas lágrimas que ajudam e atrapalham. Lindo, lindo, lindo! E a isso refiro-me tanto aos teus versos quanto à fotografia e ao layout novo (que pode não ser tão novo assim, já que faz tempo que não passava por aqui, infelizmente). Enfim, suas palavras, como sempre, encantadoras. Beijos enormes, estava com saudades! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada mesmo, Natália 💕

      Eu estava com saudades de você também, e aproveito para desejar-lhe uma semana bem bonita!

      😘💛

      Excluir
  8. Tu capturou uma foto incrivelmente incrível, garota.
    E esse poema, belo e belo.
    Um beijo e um abraço bem apertado <3
    www.memorizeis.tk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, obrigada 😍

      Outro beijo e outro abraço bem apertado para você! E uma semana linda!

      Excluir
  9. Ah, Lari, eu posso passar mil anos sem ler teu blog, mas nunca deixo de amar sua escrita e soltar um suspiro de admiração no fim de cada post. As fotos que ilustram as postagens são tuas? São belas por demais. Parabéns pelo talento, garota. ♥

    • https://acid-baby.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo saber que você voltou à blogosfera 💕

      Muito obrigada mesmo! E, sim, as fotografias todas que posto aqui pertencem a mim 😊 Tem mais, mas estou resgatando aos poucos os escritos do meu antigo blog.

      Abraços! E apareça sempre por aqui!

      Excluir
  10. Lindo! Lindo! Lindo! ♥

    ResponderExcluir