Poema pré-adolescente

Podia o livro comprado pela internet chegar hoje
E você pensar em mim o dia todo
E o sol não pegar no meu banco preferido no ônibus
E meu banco preferido no ônibus estar vazio para eu sentar
E você se sentar ao meu lado em seguida
E eu cumprimentá-lo com fingida indiferença
E ler, para as borboletas no meu estômago,
O primeiro capítulo do livro que chegou pela internet

23 comentários:

  1. Sorri ao ler esse poema! Uma graça, Lari. Muito bom, assim como tudo que tu escreve!

    acid-baby.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E, ah, a foto é sua? Ficou uma perfeição de tão linda!

      Excluir
    2. É sim 😊

      Obrigadíssima, Ana!

      Abraços para você!

      Excluir
  2. OOWWWNNNT. Eu adorei esse poema. Todas as inúmeras e inúmeras coisas que a gente anseia sem perceber, e que quer e quer e quer e quer. AAAAAAAAAAAAAAA. Lari, você é um gênio!

    www.acessopermitido.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha! Obrigada, Elcimar 💕

      Excluir
  3. Que gracinha esse poema, Larissa.
    Lembrou-me da minha adolescência, bem assim (ainda é um pouco hoje pra dizer a verdade haha).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sempre carregamos um pouco de outras épocas conosco, não é mesmo?

      Obrigada, Bia 😊

      Excluir
  4. Linda foto e um poema muito fofinho Larissa!
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Fernanda!

      Abraços e uma semana bem bonita para você!

      Excluir
  5. podia mesmo tudo isso acontecer <3
    adorei o poema ☺

    ResponderExcluir
  6. A poesia é o exprimível sonho doce do que, se dizível fosse, se diria.
    GK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E se diria de mil maneiras diferentes...

      Excluir
  7. Amei demais! Queremos sempre essas pequenas coisas que representam tanto...

    Borboletas <3 Adireito sua foto!
    Beijos <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Isa 😍😍

      Beijos "procê"!

      Excluir
  8. Anônimo25/10/17

    Senti que tu está feliz, esse poema é tão mais romântico que a flor e a borboleta.
    Saudações!

    ResponderExcluir
  9. Deliciosamente Gracioso! Adorei, Lari!

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Vitor!

      Beijos e bom fim de semana para você!

      Excluir
  10. um amor em forma de poesia, literalmente <3

    ResponderExcluir
  11. Singeleza pura e doce! A adolescência não é de todo ruim.
    notas-poeticas.blogspot.com

    ResponderExcluir