Nascimentos de Vênus


Atiro sementes ao ar — desejo-lhes prosperidade, o sedentarismo de um terreno fértil. Que vinguem, as que puderem. Demorou que eu aprendesse que a vida é probabilidade e estatística, que a arte e a magia são só os trajes com que lhes tapamos a nudez. Continuo a costurá-los, contudo. Calhou de ser poetiza a semente que um dia fui.

4 comentários:

  1. Lindamente maravilhoso! Tu sempre alegra meu coração e surpreende minha. Tua arte acompanha tua grandeza nas imagens e poesia. Uma ótima semana pra ti, céu azul e flores lindas sempre, nos teus dias.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada, Ney! Meu dia ficou mais bonito com toda essa gentileza ♡

      Desejo-lhe o mesmo! Abraço enorme!

      Excluir
  2. Seu blog é um poema ❤
    Amo foto de flores e céu, as suas ficaram lindas e sua palavras complementaram bem.
    beijos, dear!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muitíssimo obrigada, Cici ❤❤

      Beijos e uma semana linda pra ti!

      Excluir