Sagrado

por - 10.7.16


Semiconsciente,
segura o cansaço nos braços,
ansioso por entregá-lo em sacrifício
àquele cujos passos ressoam, suaves,
por detrás de suas pálpebras,
parecendo próximos e, simultaneamente,
parecendo que se distanciam.
E há quanto é que espera?
Sete séculos? Seis segundos?
Tudo está tão sombrio...
Tudo está tão confuso...

E de repente...
De repente dorme.

5 comentários

  1. Todos os tempos são agora.
    GK

    ResponderExcluir
  2. A singela experiência que todos, um dia, iremos passar.

    O ACESSO PERMITIDO ESTÁ DE VOLTAAA!
    www.acessopermitido.com

    ResponderExcluir
  3. Anônimo15/7/16

    A rebeldia e a resignação, são duas forças que disputam as nossas constituições de ser existir, viver, as vezes ...é uma pena. E viver nos condena a isso; existir como ser; coisa alguma ou coisa nenhuma .. e é isso.
    Aproveita o fim de semana.

    ResponderExcluir