Duas chuvas

I.
(05 de fevereiro de 2022)

Ouvir os cochichos das folhas.
O verde se agita
antes das tempestades,
as árvores excitadas pelos ventos,
relâmpagos criando sempre
a grande expectativa do som.

II.
(16 de fevereiro de 2022)

Granizos em suicídio feroz:
os corpos se esvanecem
quando tocam o chão,
tornados em fantasmas.
Do sangue aguado,
a chuva limpa os rastros.

Formulário de contato (para a página de contato, não remover)